Recrutamento e Seleção: tudo o que você precisa saber!

Entenda aqui o que é, quais são as principais técnicas, como fazer e tudo o que você precisa saber sobre Recrutamento e Seleção.
Tempo estimado de leitura: 12 minutos

Qual é a empresa que não quer formar uma boa equipe e valorizar bons talentos para manter a sua vantagem competitiva no mercado, não é verdade? Pois bem! Embora pareça fácil, essa é uma das tarefas mais desafiadoras para qualquer setor de recursos humanos ou departamento pessoal. Afinal, o departamento de recrutamento e seleção possui a responsabilidade de contratar as pessoas ideais para cada vaga.

Mas será que basta ligar para os possíveis candidatos e marcar uma entrevista? É, se você pensa desta forma, você se enganou! O departamento de recrutamento e seleção possui diversas tarefas que não são nada simples. Além disso, até chegar no momento da entrevista, existem muitos processos a serem feitos. 

Se você quer saber quais são as principais atividades da área de recrutamento e seleção, todas as suas técnicas e estruturações, continue lendo este artigo! Nós preparamos um conteúdo recheado de informações importantes especialmente para você!

Podemos começar? Vem com a gente!

Recrutamento e Seleção
Recrutamento e Seleção

O que é Recrutamento?

Antes de tudo, o recrutamento é o conjunto de técnicas, informações e procedimentos para atrair os candidatos ideias para as vagas abertas em uma organização. Isso significa que, o recrutador tende a buscar talentos para as tais vagas. 

No entanto, o recrutamento traz o máximo de candidatos possível para a vaga que está aberta. Mas é claro, os profissionais precisam estar interessados nas vagas. Mas como é feito esse processo? Geralmente, é por meio de divulgação da vaga, com todos os detalhes de especificações, em diversos canais de captação, como por exemplo, sites e redes sociais. 

Pois então, apesar de ser o primeiro assunto, não é o recrutamento a primeira etapa do processo seletivo, afinal, antes disso, precisa ser planejado a forma que o processo de contratação funcionará. 

Isso significa que é preciso escolher o perfil do candidato de cada vaga, os detalhes da vaga, o prazo de contratação, entre outros. Além disso, existem três tipos de recrutamento, mas isso nós iremos ver daqui a pouco. 

O que é Seleção?

Para começar, a seleção é o processo em que o candidato será escolhido para preencher a vaga disponível. Até aqui, parece ser simples, não é verdade? No entanto, até chegar a esta etapa da escolha do candidato perfeito para a vaga, os processos precisam ser bem estruturados. 

Geralmente, as etapas do processo de seleção são:

  • Triagem dos Currículos;
  • Entrevistas;
  • Prova de Conhecimentos Específicos.

Entretanto, os critérios são bem variáveis e existem muitos outros além desses colocados acima. Isso porque, no departamento de recrutamento e seleção são feitas diversas técnicas para que a contratação seja mais assertiva. Além disso, é válido ressaltar que não existe uma regra para fazer o recrutamento e seleção dos candidatos. 

Afinal, qual é a diferença entre recrutamento e seleção?

Nesse sentido, nós já sabemos o que é recrutamento e seleção, mas será que você entendeu realmente o que os difere? Embora sejam complementares, o recrutamento visa atrair os candidatos para as vagas disponíveis, ou seja, fazer com que os possíveis profissionais se interessem pela vaga oferecida. 

Por outro lado, a seleção é para escolher os candidatos perfeitos para a vaga. Por isso, os dois processos precisam ser feitos com bastante atenção, já que um depende do outro para finalizar o processo seletivo até chegar o momento da entrega de documentos para a contratação. 

Agora que você já aprendeu um pouco mais sobre recrutamento e seleção, que tal saber por qual motivo esse processo é tão importante? Vamos lá?

Por que o processo de Recrutamento e Seleção é importante?

De fato, contratar alguém ideal para a sua empresa é algo muito desafiador, afinal, você não conhece a pessoa e nunca conviveu com a mesma. No entanto, a parte mais difícil e burocrática é escolher alguém que se identifique com os valores e a forma de trabalhar da organização, bem como a cultura organizacional

Então, se você contrata candidatos que não possuem relação com a cultura da empresa, que não se interessem pelo trabalho, além de perder tempo e dinheiro, você também estará gastando energia. Por isso, é muito importante que todas as empresas sigam os processos de Recrutamento e Seleção, para que o processo seletivo não seja negativo. 

Pois bem, já vimos tudo sobre o que é o processo de Recrutamento e Seleção, não é verdade? Mas você sabe onde tudo começou? Continue a leitura, falaremos sobre isso no próximo tópico. 

Onde tudo começou?

Em primeiro lugar, o departamento de Recrutamento e Seleção vem passando por grandes mudanças e evoluções. Isso porque, quando voltamos na época das Relações Industriais, os processos de recrutamento e seleção eram feitos sem critérios e sem nenhuma regra ou estrutura. 

Outro fator a ser lembrado é que, antigamente, os candidatos não eram escolhidos de acordo com os objetivos e metas estratégicas da empresa. Apesar disso, o setor de Recursos Humanos foi crescendo ao longo do tempo e tudo foi sofrendo grandes transformações. 

No entanto, foi apenas em 1970 que as pessoas começaram a ser consideradas um bom critério para entrar nas organizações. Mas é claro, as empresas apenas queriam focar em pessoas pensando na produtividade dos processos das empresas. Na década de 80, os organogramas da empresa começaram a se reestruturar, inclusive pensando em salários e benefícios de forma legal. 

Com isso, as empresas passaram a contratar mais funcionários e os gestores ficavam em uma quantidade menor comparado a eles. Isso significa que os empregados começaram a perceber o quanto valia ter competências específicas para entrar no mercado de trabalho, o que fez muitos colaboradores começarem a se destacar. 

Além disso, a tecnologia não era um fator muito valorizado na época, então, os trabalhos eram mais burocráticos e até falhos. Ademais, atualmente, já existem diversas tecnologias voltadas para o setor de recursos humanos que ajudam muito nos processos de recrutamento e seleção. 

Quais perfis de profissionais desenvolvem esse trabalho? 

A princípio, podemos perceber que o processo de recrutamento e seleção não é uma tarefa tão fácil, certo? Pois é! Para fazer o recrutamento e seleção de candidatos ideais para a sua empresa, são necessárias muitas técnicas e competências. 

Como todos os outros setores, no setor de Recursos Humanos, ou melhor, no departamento de Recrutamento e Seleção, existem profissionais de diferentes áreas e funções, que são essenciais para o resultado final do processo de recrutamento e seleção. Entre os perfis, nós iremos citar os principais, confira:

Psicólogo 

Infelizmente, os psicólogos são profissionais que nem sempre estão presencialmente auxiliando o setor de recursos humanos de uma empresa, no entanto, deveriam estar!

Os psicólogos no departamento de recrutamento e seleção possuem a responsabilidade de avaliar as condições psicológicas de todos os candidatos e colaboradores que já fazem parte da organização. 

No entanto, não confunda com uma consulta gratuita, mas é apenas um conhecimento mais aprofundado para saber se o profissional está capacitado e alinhado com a cultura organizacional da empresa. 

Analista de Recrutamento e Seleção

Como já diz o nome, o analista de recrutamento e seleção é responsável por todo o processo. Neste caso, além de estar envolvido como um analista para todos os profissionais que estão fazendo os processos, ele cuida de todo processo operacional. 

HeadHunter

À primeira vista, o nome traduzido não é tão bem visto assim, né? Afinal, significa “caçador de cabeças”. No entanto, ao contrário do que muitos imaginam, o profissional headhunter é capaz de contratar profissionais de forma mais estratégica e específica para as vagas disponíveis. 

Além deste profissional ter muitos contatos no mercado de trabalho, o mesmo também é muito inteligente e conhece tudo sobre a área que está sendo divulgada. 

Business Partner

O Business Partner também é um profissional que visa a parte estratégica da empresa, mas ele, na verdade, é um parceiro de negócios. Então, ele precisa garantir que o departamento de recrutamento e seleção atenda as necessidades da organização. 

Além de fazer parte do processo de desenvolvimento profissional da equipe, é este profissional que irá divulgar as vagas que realmente precisam, todos os detalhes sobre a mesma, além de tudo que o candidato precisa para conquistá-la. 

Recrutador

E claro, não poderíamos esquecer do recrutador, que é responsável por reter e atrair grandes talentos para a empresa. Para isso, existem diversas formas, ele pode divulgar nas redes sociais, em sites, fazer parcerias com universidades, entre outros. No entanto, a divulgação precisa ser feita de forma estratégica, utilizando ferramentas essenciais. 

Atualmente, os recrutadores estão utilizando o inbound recruiting. O que seria isso? Pois bem, basicamente é quando os talentos vão em busca da organização, justamente por ela ser estabelecida no mercado como uma boa empresa para se trabalhar. 

Para finalizar, apesar de colocarmos os 5 profissionais, 3 deles são os principais para um bom recrutamento que são: recrutador, headhunter e business partner. 

Quais são as principais atividades de Recrutamento e Seleção?

Chegamos até aqui e, provavelmente, você já deve ter percebido que a principal atividade do departamento de recrutamento e seleção é atrair e contratar talentos perfeitos para a vaga oferecida. No entanto, como já dissemos, essa tarefa não é nada simples. 

Para isso, é válido utilizar as técnicas do RH estratégico. Isso porque, sem uma estratégia bem estabelecida, é quase impossível contratar profissionais que se identifiquem com a cultura organizacional da sua empresa. 

Além disso, para garantir o bom recrutamento e seleção dos profissionais, o setor de recursos humanos não deve mais ser tão burocrático, por isso, o mesmo deve ter os seguintes critérios:

  • cultura organizacional;
  • crescimento organizacional;
  • desenvolvimento dos profissionais;
  • novas estratégias;
  • desenvolvimento do mercado de trabalho;
  • tendências econômicas.

Para garantir uma maior eficácia, o RH estratégico conta com a tecnologia, para otimizar e automatizar todos os seus processos. Ademais, é possível conseguir resultados melhores na etapa de recrutamento e seleção dos profissionais. 

Como é feito o processo de Recrutamento e Seleção?

Agora que você já conhece um pouco mais sobre todos os conceitos que englobam o processo de recrutamento e seleção, que tal aprender um pouco sobre como o processo é feito na prática? Vamos lá? 

Analise as necessidades da sua empresa e planeje as vagas

Antes de tudo, você precisa se planejar! O que isso significa? Pois bem, antes de começar a fazer avaliações, conhecer as vagas, entre outras informações, é necessário compreender 3 partes do contexto:

  • Conheça cada vaga de forma específica;
  • Participe de todas as decisões e etapas sobre as vagas;
  • Saiba todas as novas posições gerais na sua empresa. 

Com isso, você poderá se planejar de uma forma bem mais estruturada. 

Conheça as vagas que precisam ser preenchidas

De faro, é muito necessário conhecer as vagas e quais são todos os requisitos para conquistá-la. Alguns dados importantes são:

  • Formação;
  • Hard Skills;
  • Soft Skills;
  • Perfil comportamental;
  • Resultados esperados;
  • Cargo;
  • Definição de salário;
  • Modelo de recrutamento;
  • Entre outros.

No entanto, o melhor a se fazer, é alinhar tudo com o profissional responsável pela área. Com isso, entendemos que o RH fará todo o processo, porém, quem vive a rotina do setor são as pessoas que trabalham diariamente nele. 

Por isso, é muito importante empoderar todos os líderes para que os mesmos entendam as técnicas de gestão de pessoas e nesse sentido, criem uma maturidade. 

Faça parte da tomada de decisão das vagas 

Em primeiro lugar, é essencial que o setor de recursos humanos faça parte da abertura da vaga de uma empresa. Afinal, é o departamento pessoal que cuida de todas as informações dos colaboradores de uma empresa, facilitando o processo de recrutamento e seleção. 

Com base nisso, é necessário que o RH avalie com o setor responsável, se há mesmo a necessidade de fazer a contratação de um novo funcionário, afinal, isso também envolve a economia da empresa. 

Saiba até quando as vagas vão ficar disponíveis na etapa de Recrutamento e Seleção

Fazer um panorama geral sobre as vagas, é essencial para a sua organização. Assim, fica ainda mais fácil dar início aos processos seletivos e não se prender tanto a eles por tempo indeterminado, podendo atrapalhar outras demandas da empresa que também exigem prioridade. 

Defina todas as técnicas de Recrutamento e Seleção

Com todo o planejamento bem estabelecido, chegou a hora de definir todas as técnicas de recrutamento e seleção. Normalmente, existem alguns critérios básicos que toda empresa utiliza. 

Aqui, nós iremos te mostrar as principais técnicas de recrutamento e seleção, confira:

  • Primeiramente, divulgue a vaga! No entanto, é necessário definir o público da divulgação. Para isso, existem alguns tipos de recrutamento e seleção, que nós veremos com mais detalhes daqui a pouco, mas são eles: externo, interno ou misto. 

Como já dissemos anteriormente, a parte de divulgação fica a critério da empresa.

  • Recepção de Currículos também é uma das técnicas fundamentais, afinal, a forma que você receberá e fará a avaliação dos currículos precisa ser bem estruturada, para que não tome tanto tempo.
  • Marcar a entrevista por telefone também é um dos critérios mais comuns, afinal, economiza muito tempo. Esse é apenas um contato prévio, sem muitos detalhes sobre a vaga, pois se for de interesse, o candidato irá até você. 

  • Antes de marcar a entrevista, também é muito importante fazer uma análise comportamental dos candidatos, parece impossível, mas você poderá fazer perguntas nos preenchimentos das vagas, sobre as competências e habilidades dos candidatos. 

  • Aplique testes psicológicos nos candidatos;

  • Faça testes de recrutamento e seleção, como por exemplo, aplique provas de conhecimentos específicos sobre a vaga que deverá ser preenchida. 

  • Dinâmicas em grupo também são essenciais para avaliar cada indivíduo e também faz parte do processo seletivo. Mas a análise precisa ser justa e correta com todos os candidatos. 

  • Faça uma simulação de resolução de problemas, essa é uma técnica que está sendo muito utilizada pelos recrutadores. 

  • Faça entrevistas individuais com os candidatos, nesses encontros é possível conhecer os candidatos de forma mais criteriosa. 

  • Por fim, é necessário fazer uma proposta para o candidato, falando sobre todos os pontos da empresa.

Avalie os resultados dos processos de Recrutamento e Seleção

Muitas pessoas acreditam que o preenchimento da vaga é a última etapa do processo de recrutamento e seleção, certo? Mas engana-se quem pensa desta forma. Isso porque, a avaliação de resultados é essencial, ou melhor, crucial para uma eficácia melhor do processo. Alguns indicadores que podem ser avaliados são:

  • Porcentagem de vagas fechadas no prazo estabelecido;
  • Quanto tempo o colaborador demorou para aprender o serviço;
  • Fazer a avaliação de turnover com a chegada dos recém-contratados;
  • Quanto tempo em média os colaboradores permanecem na empresa;
  • Porcentagem de todos os candidatos que encontraram a vaga pelas mídias;
  • Como foi o engajamento de todos os candidatos durante o processo seletivo;
  • Custo de cada contratação;
  • Avaliação de desempenho dos recrutadores;
  • Entre outros. 

Portanto, esses dados são essenciais até mesmo para os próximos processos de recrutamento e seleção. Além disso, em resumo, o passo a passo de todo o processo é:

  • Levantar todas as necessidades da empresa;
  • Atrair novos talentos;
  • Fazer a triagem dos currículos, ou seja, fazer a análise dos currículos das pessoas que se candidataram;
  • Fazer a seleção dos currículos adequados para as vagas;
  • Entrevistar os candidatos;
  • Contratar os profissionais selecionados.

Quais são os tipos de Recrutamento e Seleção?

Você sabia que existem três tipos de recrutamento? Pois é! Normalmente, tratando-se de recrutamento e seleção só pensamos que existem uma série de etapas a serem cumpridas, mas, na verdade, também existem os tipos de recrutamento que fazem parte de todo o processo. Veja quais são:

Recrutamento Interno

A princípio, o recrutamento interno é aquele que ocorre dentro da organização. Isso significa que os gestores aproveitam os funcionários que estão se destacando em vagas específicas para promovê-los quanto profissionais. Então, os mesmos são realocados dentro da própria empresa. 

Recrutamento Externo 

Você provavelmente conhece o recrutamento externo, afinal, ele é o mais conhecido. Ele se caracteriza por contratar novos profissionais para a empresa, então possui todo o processo de recrutamento e seleção das vagas que estão em aberto. 

Muitas vezes a contratação de novos funcionários também é feita para suprir as competências e habilidades que ainda não existem nas empresas. 

Recrutamento Misto

Antecipadamente, esse tipo de recrutamento e seleção é bem utilizado por empresas que adotam a inovação. Afinal, ele é uma forma mais moderna de alinhar os dois recrutamentos anteriores em um só.

No entanto, o recrutamento e seleção precisam ser feitos de forma imparcial, ou seja, de modo que os funcionários já existentes na empresa não sejam mais privilegiados que os potenciais profissionais a serem contratados. Por isso, tudo será conquistado por mérito de cada um dos indivíduos. 

Quais são os benefícios de Recrutamento e Seleção?

Como falamos anteriormente, os processos de recrutamento e seleção trazem grandes vantagens para todas as empresas. Que tal vermos agora o quão vantajoso ele pode ser para a sua empresa? Vem com a gente!

Otimiza o setor de Recursos Humanos 

De fato, com os processos de recrutamento seleção bem definidos, o setor de recursos humanos não precisa ficar tão sobrecarregado em relação às vagas. Afinal, muitos candidatos, quando não são bem informados, passam a ligar para o RH para saber informações sobre a vaga. 

Sendo assim, o departamento pessoal fica disponível para realizar outras demandas que também fazem parte do processo seletivo.

Aumento da Produtividade 

Quando o processo de recrutamento e seleção é feito conforme os critérios estabelecidos, os candidatos são escolhidos de forma mais assertiva. Então, com o profissional perfeito para a empresa, as chances de produção aumentam muito. Além disso, o mesmo pode ajudar a empresa com novas ideias. 

Melhoria no desempenho dos funcionários

Escolher o candidato ideal também é importante para que ele possa ajudar os colegas de trabalho na empresa, ou seja, escolha profissionais que saibam trabalhar em equipe, que tenham um bom relacionamento interpessoal, entre outros. 

Diminui o absenteísmo

Quando um funcionário não se identifica com o ambiente corporativo, o mesmo pode apresentar desinteresse, causando também faltas sem motivos, baixo índice de produtividade e, claro, isso acaba afetando a organização como um todo. Por isso, é necessário contratar funcionários alinhados com a cultura organizacional da empresa. 

Redução de Turnover

Contratar profissionais qualificados no processo de recrutamento e seleção, também é essencial para diminuir o nível de rotatividade na empresa. Isso porque, os profissionais que realmente estão gostando da vaga e da empresa, tendem a não desistir das mesmas. 

Como o Recrutamento e Seleção se relacionam com a tecnologia?

Apesar de os processos de recrutamento e seleção serem desafiadores, a tecnologia chegou para otimizar esse processo e torná-lo cada vez mais fácil, ou seja, menos burocrático. 

Atualmente, existem diversos softwares e ferramentas que ajudam a potencializar a gestão de pessoas e o setor de recursos humanos. Como por exemplo, hoje em dia é possível fazer entrevistas por vídeo e também existem formas de controlar a jornada de trabalho dos colaboradores através desses sistemas.  

Afinal, hoje em dia já existem sistemas de controle de ponto com mecanismos e funcionalidades, como reconhecimento facial. 

Use a tecnologia para facilitar o seu Controle de Ponto!

Após o recrutamento e seleção de talentos, é preciso retê-los e, um controle de ponto online pode ajudar a sua empresa nesse processo. Isso porque, as empresas modernas pretendem alinhar os novos colaboradores com os propósitos da empresa. 

E claro, as empresas atuais estão sendo mais flexíveis quanto a isso e porque não ter um controle de ponto online, que também é flexível para ajudar nesse processo? A flexibilidade de horários nas empresas tornou-se um dos motivos de os profissionais se sentirem mais atraídos pelas vagas. 

Com isso, o mercado tecnológico permite que o controle de ponto seja feito através de dispositivos móveis, como por exemplo, seu próprio celular. Além disso, as empresas estão cada vez mais interessadas em sistema de controle de ponto online, afinal, o mesmo traz muitos benefícios para as mesmas. 

Além de registrar o ponto de entrada e saída dos colaboradores, o software de controle de ponto permite outras funcionalidades que são completas, como aqui na QRPoint. 

Se você tem dúvidas se vale a pena investir nessa tecnologia, iremos te dar um presente, isso mesmo! 10 dias grátis para você entrar em nosso site e aproveitar o nosso sistema de controle de ponto. O que está esperando para testar e explorar todas as ferramentas do nosso controle de ponto?

Ademais, qualquer dúvida que você tiver, já sabe, né?

Conte com a QRPoint!

Para dar início, nós fornecemos o registro rápido dos seus colaboradores no software de controle de ponto, reduzindo a dificuldade na hora de adotar o novo sistema.

Uma vez que tudo já estiver nos conformes, você vai poder aproveitar do app do gestor, um dos nossos maiores benefícios.

É através do aplicativo do gestor que você terá acesso a dashboards de indicadores, mostrando todos os colaboradores que estão dentro da organização trabalhando, além daqueles que estão de férias e muito mais!

Portanto, para garantir a estadia do colaborador dentro do local de trabalho, nós usamos os recursos de geolocalização para criar uma cerca digital que garante exatamente onde o ponto online ou o ponto offline está sendo registrado.

E pensando na segurança tanto do colaborador quanto do gestor, o controle de ponto é registrado através do reconhecimento biométrico do profissional. Nós também mantemos o banco de horas de todos os colaboradores, permitindo mudanças nele se necessário.

Entre em contato para tirar qualquer dúvida sobre o nosso sistema de controle de ponto com nossa equipe. Ficou interessado e quer os benefícios do QR Point na sua empresa? Faça hoje mesmo um teste do controle de ponto gratuito e prove a facilidade de ter o cálculo de horas, adicionais e faltas feito automaticamente.

Não vai perder a oportunidade de automatizar a sua empresa com o melhor software de controle de ponto online, né? Saiba mais sobre o nosso controle de ponto em nosso site!

Você pode acompanhar mais conteúdos em nossas redes sociais: LinkedIn, Instagram e Facebook.

Tecnologia que poupa tempo e dinheiro para a sua empresa.

O que tá esperando? Comece a usar agora mesmo!