Tudo o que você precisa saber sobre Mapa Mental

Leia o artigo para tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e começar agora mesmo a sua própria estratégia!
Tempo estimado de leitura: 8 minutos

Quando você pensa em Mapa Mental, qual é a primeira coisa que vem na cabeça? Você já ouviu falar desse método? Quais são suas principais dúvidas sobre o tema? 

O Mapa Mental pode ser reconhecido por diferentes nomes, mapa cognitivo e modelo mental é um deles. Ele nada mais é que um método utilizado para otimizar o entendimento sobre suas metas e memorizar o caminho até elas, sejam elas individuais ou coletivas. 

Agora que já te explicamos um pouquinho desse tema, continue a leitura para tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e começar o seu próprio mapa mental! 

O que é um Mapa Mental? 

Como já adiantamos acima, o mapa mental é um método utilizado para organizar as ideias de forma simples e clara, facilitando o alcance das metas, sejam elas em equipe ou individuais. 

Também conhecido como uma ferramenta para gerir processos e informações, ele é capaz de reduzir e selecionar qual o passo mais importante para os seus objetivos, e destacá-los em uma representação visual, facilitando a memorização. 

Dessa forma, essa prática é muito eficaz quando se trata de compreender e resolver problemas, podendo ser eles no mundo corporativo ou não. Algumas de suas características marcantes podem ser a flexibilidade e a acessibilidade.

Isso porque para criar um mapa mental não tem muitas regras, existem modelos para diversas áreas, sendo eles simples ou muito elaborados. Além disso, ele pode ser feito a mão ou por aplicativos, que já são muitos disponíveis no mercado.  

Se você quer entender um pouco mais sobre esse modelo e de onde ele surgiu, abaixo vamos te contar tudo! 

De onde surgiu o Mapa Mental? 

A ideia do mapa mental surgiu do psicólogo Tony Buzan, isso porque ele tinha uma dificuldade muito grande em assimilar os conteúdos que recebia de seus professores, e quando entrou na faculdade o jovem começou a pesquisar práticas que auxiliariam em seu processo de aprendizagem. 

Dessa forma, se inspirou no renascentista, Leonardo Da Vinci, e em sua genialidade para organizar e construir seus trabalhos. Entre códigos, imagens e ramos entrelaçados, Da Vinci estabelecia o padrão de suas narrativas. 

Além do renascentista, Buzan também se inspirou em grandes filósofos da Grécia antiga, e nesse caso, o que mais o encantou, foi o processo criativo e de associação das ideias. Por fim, com essas duas inspirações e seus conhecimentos dentro da psicologia, sabendo que a imaginação era fundamental para um processo mental, criou-se o primeiro mapa mental. 

Com o passar dos anos, esse modelo foi se aperfeiçoando e se adequando às realidades que surgiriam, e atualmente, existem diversos modelos que podem auxiliar qualquer profissional e/ou estudante a alcançarem seus objetivos com planejamento e organização. 

Se você já compreendeu o que é mapa mental mas ainda não sabe quais são suas principais vantagens, continue a leitura porque vamos te contar no nosso próximo tópico.

Qual a vantagem de fazer um Mapa Mental? 

Montar um mapa mental é um grande desafio e por mais que tenham muitas referências e modelos disponíveis, eles servem apenas para você se inspirar, já que as informações inseridas neles, geralmente, são muito individuais. Mas abaixo, vamos te contar algumas das vantagens de inserir essa técnica em sua rotina. 

Para começar, a possibilidade de memorizar seus planos pelo processo visual é muito alta, já que, geralmente, os mapas mentais são ilustrados de maneira que te chame atenção. Além disso, existem outros pontos que são muito importantes para esse processo, veja abaixo: 

  • Fixação e memorização dos objetivos;
  • Compreensão e solução dos problemas;
  • Sistematização dos dados e informações;
  • Organização do pensamento;
  • Associação de informações;
  • Entre outras. 

Além dos pontos apresentados acima, revisar os conteúdos dispostos pelo mapa mental é fundamental para entender se aquelas estratégias estão fazendo sentido na sua rotina ou não, e caso seja necessário, reformulá-las.

Agora que você já sabe as principais vantagens de incluir o mapa mental em seus objetivos, continue a leitura e aprenda como fazer o seu próprio. 

Como fazer um Mapa Mental? 

Para criar o seu próprio mapa mental não tem segredo, basta investir em alguns materiais simples, tirar um momento para refletir sobre seus objetivos e usar a sua criatividade. Siga o nosso passo a passo e aprenda todas as etapas: 

Definição do formato

Nessa etapa você pode procurar referência em aplicativos de mapa mental, por exemplo. E você pode escolher entre as versões escrita e digital, a que melhor te atende. 

Objetivo Principal

Nesse momento é importante definir, em qualquer formato que você escolher, um objetivo principal. O mesmo deverá estar destacado no centro do seu mapa mental. 

Ramificações

Essa é a hora onde você, a partir do tema principal, começa a criar as ramificações do que é preciso para a conclusão do objetivo. Aqui, as ideias precisam fluir de maneira leve e criativa, mas sempre respeitando os limites do que pode ser alcançado, pois caso contrário, ao invés de ajudar, o mapa mental pode causar frustrações. 

Palavra-chave

É válido lembrar que o mapa mental precisa ser mais visual do que escrito, e por isso, os textos devem ser curtos e concisos. Dessa forma, o uso de palavras-chave é fundamental para apresentar as principais ideias das ramificações. 

Destaques

Trabalhar com cores variadas é uma técnica muito importante para direcionar o seu cérebro ao que realmente importa dentro do mapa mental. Dessa forma, defina uma cor para cada caminho dentro de suas estratégias e todos os passos ficarão mais claros. 

Revisão

Revistar o seu mapa mental é fundamental para entender o que ainda faz sentido para você, já que nossas ideias sofrem alterações com o tempo. Desse modo, esteja atento ao seu dia a dia e revise sempre os seus objetivos! 

Fique por dentro das principais dicas

  1. Prefira fazer o mapa em folha de papel, escrever ajuda na memorização! Use-a na horizontal. 
  2. Prefira utilizar letra de forma, ela contribui para a visualização clara do seu mapa mental. 
  3. Crie as ramificações de acordo com o grau de importância de cada uma delas. 
  4. Tenha em mente tanto o assunto quanto os tópicos que você deseja destacar.
  5. Não deixe informações soltas, tente interligá-las! 

Agora que você já aprendeu como a desenhar o próprio mapa mental é hora de colocar a mão na massa. E caso ainda não saiba como pode aplicá-lo em sua rotina, siga com a leitura que te mostraremos o caminho! 

3 Momentos ideais para aplicar o Mapa Mental 

Como você já sabe, o mapa mental pode ser uma ferramenta fundamental para o alcance dos seus objetivos. Sendo assim, ele funciona tanto para atividades rotineiras como estudo e trabalho, quanto para organizações de eventos. Veja abaixo três momentos que ele pode te auxiliar e contribuir para o seu desenvolvimento

Reunião de trabalho

Em reuniões de trabalho, geralmente, é o momento em que muitas opiniões e informações são distribuídas e organizadas junto com a equipe. Então, nesse momento é legal que além de criar um mapa mental para um brainstorming das ideias individuais, crie também para conectá-las com as ideias do restante da equipe.

Organização da rotina 

Se você precisa organizar sua rotina de forma que fique melhor para realizar suas tarefas diárias,  o mapa mental pode ser uma boa saída. Dessa forma, você pode priorizar demandas que precisam de mais atenção e criar uma hierarquia que funcione para você.

Como exemplo, você pode inserir atividades como fazer um exercício da faculdade, ir na academia, entregar demandas do trabalho e ir priorizando de acordo com suas necessidades e prazos. 

Organização de eventos 

Organizar um evento é uma atividade que, normalmente, demanda muitas etapas. Decoração, alimentação e bebidas, atrações, espaço físico, por exemplo. Dessa forma, para não correr o risco de você se perder durante a organização do mesmo, o mapa mental pode ser a solução. 

Mapa Mental

5 Modelos de Mapa Mental 

De início, os modelos de mapas mentais são a junção de lógica com criatividade, e por isso, eles são muito comuns nas relações de trabalho. Pensando nisso, vamos te mostrar abaixo 5 inspirações para o mapa mental. 

Roadmap para RH

É importante que o RH da sua empresa esteja alinhado com suas demandas e o mapa mental é uma ferramenta que pode auxiliar nesse processo. Confira abaixo alguns exemplo que ele pode ser usado: 

  • Remuneração de pessoal;
  • Contratação de pessoal; 
  • Avaliação de desempenho;
  • Plano de pessoal. 

Mapa Mental de comunicação

A comunicação dentro de uma organização é fundamental para o envolvimento saudável entre funcionários e empresa. Dessa forma, essa estratégia também é uma prática muito válida para garantir o engajamento da equipe. O mapa mental pode ser usado como planejamento e orientação de projetos e objetivos. 

Mapa Estratégico para negócios 

Os mapas estratégicos servem para traçar planos que permitem alcançar os objetivos gerais do seu negócio e, além disso, organizar os objetivos individuais dentro das equipes. Alguns pontos para levar em consideração e que são os principais objetivos dessa modalidade dentro da empresa  é a redução de sobrecarga dos colaboradores e organizações de insights na rotina de trabalho. 

Mapa Mental para gestão 

O mapa mental focado em gestão é indispensável para apresentar aos stakeholders da empresa, os caminhos para o alcance dos objetivos de forma objetiva e organizada. Isso vale para colaboradores, gestores, clientes entre outros. Nesse momento, é fundamental expor as ideias de forma criativa para todas as partes.  

Saiba o que é Stakeholders clicando aqui

Mapa Mental para saúde 

No caso de ser um empreendedor na área da saúde, essa estratégia também pode ser útil para o seu negócio. Você pode criar mapas mentais para explicar conceitos de bem-estar e clínica médica, por exemplo. Dessa forma, é muito comum que nesse setor os mapas mentais sejam vinculados em panfletos e cartazes. 

Como o QR Point pode contribuir para a sua empresa?

Agora que você aprendeu tudo sobre mapa mental, pode ter a autonomia de criar o seu próprio. Além disso, saiba como a QR Point pode ajudar de forma estratégica no desenvolvimento da sua empresa tanto quanto os mapas mentais. 

Nós chegamos para garantir que sua empresa siga todas as normas da legislação, e para isso acontecer é necessário um sistema de controle de ponto com muita qualidade!

Dessa forma, garantimos que a equipe de RH da sua empresa trabalhará primordialmente na gestão de pessoas, pois cuidar do bem estar dos seus colaboradores faz toda diferença no desenvolvimento e produtividade da rotina de trabalho.

Isso só é possível porque a QR Point cuida de todos os processos para você, oferecendo diversas vantagens aos seus colaboradores, como a possibilidade do controle de ponto online. Além disso, garantimos que tudo aconteça dentro do que a lei estabelece.  

No entanto, somos um software de controle de ponto online que além de permitir o registro de ponto em qualquer localização, também colaboramos para que a sua empresa cumpra todas as responsabilidades trabalhistas. 

É possível que em nosso sistema de controle de ponto sejam lançadas as informações sobre faltas, saldos negativos de horas trabalhadas, e até mesmo as horas extras de seus funcionários.

Ademais, você pode evitar que possíveis falhas humanas aconteçam no RH da sua empresa contratando os serviços de controle de ponto da QR Point. Além de permitir que a gestão de pessoas do seu empreendimento cuide mais dos seus colaboradores.

Sendo assim, contrate a QR Point como o sistema de controle de ponto online da sua empresa, e garanta a automatização dos processos com a melhor tecnologia de registro de ponto a cada atualização!

Como a QR Point funciona?

Para dar início, nós fornecemos o registro rápido dos seus colaboradores no software de controle de ponto, reduzindo a dificuldade na hora de adotar o novo sistema.

Uma vez que tudo já estiver nos conformes, você vai poder aproveitar do app do gestor, um dos nossos maiores benefícios.

É através do aplicativo do gestor que você terá acesso a dashboards de indicadores, mostrando todos os colaboradores que estão dentro da organização trabalhando, além daqueles que estão de férias e muito mais!

Portanto, para garantir a estadia do colaborador dentro do local de trabalho, nós usamos os recursos de geolocalização para criar uma cerca digital que garante exatamente onde o ponto online ou o ponto offline está sendo registrado.

E pensando na segurança tanto do colaborador quanto do gestor, o controle de ponto é registrado através do reconhecimento biométrico do profissional. Nós também mantemos o banco de horas de todos os colaboradores, permitindo mudanças nele se necessário.

Entre em contato para tirar qualquer dúvida sobre o nosso sistema de controle de ponto com nossa equipe. Ficou interessado e quer os benefícios do QR Point na sua empresa? Faça hoje mesmo um teste do controle de ponto gratuito e prove a facilidade de ter o cálculo de horas, adicionais e faltas feito automaticamente.

Não vai perder a oportunidade de automatizar a sua empresa com o melhor software de controle de ponto online, né? Saiba mais sobre o nosso controle de ponto em nosso site!

Você pode acompanhar mais conteúdos em nossas redes sociais: LinkedIn, Instagram e Facebook.

Tecnologia que poupa tempo e dinheiro para a sua empresa.

O que tá esperando? Comece a usar agora mesmo!